ALANIS, MINHA MIGUXA

por Samanta Alcardo

Quando passo o fim de semana na casa dos meus pais, fatalmente existem momentos de tédio nos quais fico procurando o que fazer. Nesse fim de semana fiquei revirando algumas coisas meio antigas e achei meu diário de 2000.

(eu escrevo diários desde os 15 anos mais ou menos)

Comecei a ler. Ai ai ai. O ano de 2000 foi meio difícil pra mim, começo de faculdade (e todos os dramas que vêm com isso), primeiro namoro, fim do primeiro namoro, início de uma grande amizade com meu atual marido, decepções mil, etc. Fui lendo e lendo. E após ler sobre vários dias, uma coisa me chamou a atenção: como a Alanis Morissette era alguém importante para mim. Eu falava da mulher praticamente TODOS os dias no diário! Copiava letras de música, analisava trechos, recortava fotos dela e colava no diário…

Ok, eu era bem sozinha naquela época.

Mas aí parei pra pensar no que tanto a Alanis tinha/tem de apaixonante para mim. Para começar, ouvir os discos dela sempre me deu uma sensação de que Alanis era minha amiga íntima. Como se ela estivesse me contando seus pensamentos, agonias, frustrações, alegrias, etc. Eu não tinha amigos, logo, ela era a companhia perfeita.

Alanis sempre simbolizou pra mim uma mulher orgânica. Cara limpa. O tipo de mulher que diz numa entrevista que gosta de suar. Que assumia as experiências boas, as dramáticas e é isso aí, tudo certo. Escrevia uma música raivosa pro ex-namorado canalha, cantava no palco com uma raiva inquieta que chegava a dar medo, tinha um olhar que transmitia uma calma e amor que só ela tinha. Alanis pra mim era uma pessoa livre. E eu achava isso bem legal, era basicamente o que eu queria pra minha vida.

Aí a Alanis lançou um disco super vibe Índia, tranças, gratidão, Índia, assuntos introspectivos, espiritualidade, Thank U, Índia, acertos de contas. Mudança radical, ninguém gostou. Acho que a raiva chamava mais a atenção, sei lá. Eu adorei. Como não gostar de um disco que tem Joining You? E o que dizer de So Pure?

Enfim, hoje continuo amando a Alanis. Sua música mudou? Bastante. Mas de alguma forma consegui caminhar lado a lado com ela, talvez porque sua postura e letras nunca tenham perdido a essência Alanis. E minha conexão com ela nunca mudou. Chorei feito criança na primeira vez que a vi ao vivo, em 99. E chorei tudo de novo na quarta vez, em 2009.

Talvez a Alanis nem seja tudo isso tanto assim (com certeza não é). Mas ter essa espécie de amiga/símbolo foi crucial para mim quando tinha 20 anos. E a Alanis de hoje ainda é minha amigona.

Anúncios

3 Respostas para “ALANIS, MINHA MIGUXA

  1. Que lindo! A Alanis (ou a arte que ela produziu, ou a imagem que a gente criou pra ela, whatever!) é um símbolo muito importante nas nossas vidas. AND I’M FUCKING PROUD OF IT! No único diário que tive na vida, em 1999, eu escrevi, no dia em que ganhei o Unplugged, que todo ser humano no mundo deveria ter o direito de escutar tão boas músicas. Ok, exageros da idade à parte (e uma certa inocência também…), a obra dela está aí: a antiga faz parte da nossa história inegavelmente; e a atual, a gente acompanha e agradece, porque ser produtiva depois de tantos anos é um mérito, ô se é!

  2. Sei exatamente como é isso! “Uninvited” me acompanhou durante, praticamente, todo o ensino médio! Alanis também foi minha melhor amiga, rs!

  3. olha eu sou muito fã não tive oportunidade de vela ao vivo, tenho medo de chorar se eu chegar a ir em um show dela, acho que minha noiva iria rir da minha cara se me pega se chorando rsrs, mais confesso que ela significa para mim a mesma coisa que significa para você, tive uma amiga que era fã dela junto comigo, infelizmente ela ja não esta entre nós mais sempre que escuto Alanis é como se a minha amiga ainda vive-se e esta correndo atras de seus sonhos, por isso a Alanis e a minha amiga significam muito para mim, obrigado por descrever o que eu sinto pela Alanis com tanta facilidade tamo junto !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s